Pensar antes de falar

como-conversar-pensar-antes-de-falar

Capítulo 13 – Pensar antes de falar

 

1 – As pessoas sábias pensam antes de responder

As pessoas corretas pensam antes de responder; as pessoas más respondem logo, porém as suas palavras causam problemas. – Provérbios 15:28

Os homens direitos sabem dizer coisas agradáveis, porém os maus estão sempre ofendendo os outros. – Provérbios 10:32

A língua tem poder sobre a vida e sobre a morte; os que a usam habilmente serão recompensados. – Provérbios 18:21

Se alguém se considera religioso, mas não refreia a sua língua, engana-se a si mesmo. Sua espiritualidade não tem valor real algum! – Tiago 1:26

Saber controlar a nossa língua e boca, é realmente um gigantesco desafio. A palavra de Deus nos ensina que ao fazermos isso, só temos a ganhar. Uma excelente maneira que podemos usar para refrear os constantes impulsos da nossa língua é praticarmos o seguinte procedimento:

Quando somos questionados e precisamos dar uma resposta, nós primeiro devemos ouvir a pergunta com muita atenção. Depois parar, pensar com maior atenção ainda, e só depois disso responder com calma e tranquilidade. Se você por acaso não compreender a pergunta que foi feita não tenha dúvidas: peça para o seu interlocutor ou interlocutora repetir. Essa estratégia de pedir para o seu interlocutor repetir a questão pode também ajudar a ganhar mais tempo para pensar na melhor resposta. É muito melhor que o seu interlocutor tenha a impressão de que você é uma pessoa um pouco desligada do que dar para ele ou ela, uma resposta da qual você venha a se arrepender depois.

Ter a sabedoria e o controle sobre tudo que falamos é muito importante em todas as áreas das nossas vidas, principalmente no nosso trabalho e vida profissional. O Espirito Santo de Deus já nos ensinou sobre isso. Veja só: O homem sábio pensa antes de falar; por isso o que ele diz convence mais. – Provérbios 16:23. A pessoa que não vigia as suas palavras e, constantemente responde coisas antes de pensar, acaba atraindo para si muitos problemas. Observe só o que nos revela essa outra maravilhosa Palavra do nosso Deus: O que guarda a sua boca e a sua língua se mantém longe de problemas. – Provérbios 21:23. Para que realmente aprendamos a vigiar as nossas palavras nós devemos ficar alertas o tempo todo, e não somente nos momentos mais delicados. É isso! O grande segredo é praticar sempre! É colocando em prática a teoria, que vem a sabedoria.

O hábito de pensar antes de falar deve fazer parte de todos os momentos da nossa vida. Esse costume é imprescindível nos momentos ou conversas de maior estresse, mas também é muito útil naquela conversa mais descontraída e relaxada. Geralmente, as palavras das quais nos arrependemos de dizer, são aquelas que foram ditas em alguma situação muito relaxada, em momentos de conflito ou em outra ocasião qualquer onde estávamos sendo pressionados por alguém ou por algum outro tipo de acontecimento.

Importante: jamais se deixe pressionar por alguma situação ou pessoa. Não se deixe levar pelas pressões dos outros e nem pelas suas próprias emoções e sentimentos. Use a sua razão. Ensine a sua língua e boca a respeitar você. Veja só o que nos orienta a Palavra de Deus: O coração do sábio ministra à sua boca, e seus lábios são hábeis para o ensino. – Provérbios 16:23. Claro que não é fácil! Mas com treino e dedicação podemos sim, fazer melhor.

Sendo assim, se algum dia você for questionado ou questionada sobre determinado assuntou, situação ou pessoa, e você não tiver naquele exato momento uma boa resposta para dar, não se acanhe de dizer:  “Não sei!”. “Não tenho uma opinião formada sobre esse assunto” ou “Vou pesquisar e depois te respondo.”. É muito melhor você dar esse tipo de resposta, do que falar qualquer coisa, e depois se arrepender por ter falado o que não devia.

Voltar ao Índice:

Veja também: